> Amamos Travestis: Por que é mais fácil lidar com as travestis do que com as mulheres?
Amamos Travestis

Amamos Travestis

sábado, 9 de maio de 2015

Por que é mais fácil lidar com as travestis do que com as mulheres?


Todos os seres humanos, tanto homens, como mulheres e travestis, possuem TRÊS cérebros: o cérebro reptiliano, o sistema limbico e a córtex cerebral. Esses cérebros se formaram durante bilhões de anos de evolução e eles se sobrepõe uns sobre os outros, mas não se desativam completamente. Todos eles estão lá. O cérebro reptiliano é a parte mais central e mais primitiva do nosso cérebro e é responsável pelos instintos básicos de sobrevivência: comer, fugir, lutar, desejo sexual (reprodução). Este cérebro reptiliano não tem emoções, é puro instinto, assim como o dos répteis. É por isso que um crocodilo não pode ser um animal de estimação: ele só tem o cérebro reptiliano e nunca vai desenvolver uma conexão emocional com quer que seja, nem com os próprios filhotes. Por cima do cérebro reptiliano, os mamíferos (incluindo o homem e a mulher), e as aves, desenvolveram um outro cérebro: o sistema limbico. Ele é responsável pelas emoções, pela raiva, pelo medo, pela compaixão, pelo amor e por todas as emoções. Somente os mamiferos e as aves possuem sistema limbico, e é por isso que só esses seres desenvolvem conexão emocional com outros seres: por exemplo, nós podemos ter um cachorro como animal de estimação, porque o cachorro tem sistema limbico e desenvolve emoções pelo dono, se conecta com ele num nivel emocional. As mulheres operam predominantemente no modo do Sistema limbico. Elas tomam decisões baseadas nesse cérebro e depois usam a córtex para justificar. Por fim, nós temos a córtex cerebral, que é a parte mais externa do cérebro e é a responsável pelas altas funções cerebrais de análista, lógica e raciocinio. A matemática, as ciências, a arte, só se tornaram possiveis, graças ao córtex cerebral humano. Na nossa sociedade, nós temos um preconceito contra as partes mais primitivas do nosso cérebro: o reptiliano e o sistema limbico e muitos acham que operam apenas no nivel do raciocinio e das altas funções do córtex. Mas, existe um nome para as pessoas que só usam o córtex cerebral delas: autistas. O autista é capaz de fazer cálculos matemáticos que só um computador seria capaz de fazer. São super inteligentes. Mas, o autista não consegue viver na sociedade, porque ele não se comunica, ele não tem emoções, porque não possui um sistema limbico e, portanto, ele não sente medo de ficar desempregado, não tem tato para tratar as pessoas e precisa de constante ajuda de outras pessoas para poder sobreviver. É o sistema limbico e o cérebro reptiliano que tornam o ser humano completo e que o movem para agir e sobreviver. Sem eles, nós não somos mais pessoas completas. Todos os seres humanos dependem totalmente de seus sistemas limbicos e de seu córtex cerebral e os impulsos que eles enviam, é irresistivel. Mas há uma predominância em cada sexo, que é a causa primordial dos desentendimentos entre homens e mulheres até hoje. Enquanto que os homens, tomam decisões baseados no seu cérebro reptiliano; as mulheres só tomam decisões baseadas no seu sistema limbico emocional. Por exemplo: o único critério que um homem usa para escolher uma mulher é a beleza fisica dela. Isso significa que ele se decide baseado apenas no seu cérebro reptiliano, porque desejos sexuais despertam essa parte do cérebro. Já a mulher, usa o sistema limbico para escolher um homem: é o status social dele que importa, o quanto de inveja as amigas vão sentir dela por ostentar um homem bem sucedido. É isso que toda mulher busca: satisfazer o seu sistema limbico. Vejam só até as feministas, percebam nas entrelinhas do que elas escrevem, que tudo o que importa para elas é se SENTIREM bem consigo mesmas, mesmo que seja às custas de fazer aborto, infanticidio e outras barbaridades. Se elas se sentirem bem consigo mesmas, então elas vão concluir que é bom. Observem como as mulheres desprezam os homens bonitos e musculosos, mas que sejam pobres. As mulheres preferem ficar com um gordinho careca do pau pequeno; mas rico, do que com um homem forte, bonito e saradão; mas que seja pobre. Agora comparem esse comportamento das mulheres com o dos homens e das travestis. Para os homens e para as travestis, o único critério é o tesão e o desejo sexual. Estes, operam no nivel do cérebro reptiliano e depois, usam os outros cérebros para racionalizar a atração automática que o cérebro reptiliano fez eles sentirem. O homem vai querer ficar com a mulher ou com a travesti que mais o atrai fisicamente. Da mesma forma, a travesti vai querer ficar com o homem que mais a atrai fisicamente. As travestis que não tem problemas financeiros, acham mais importante a beleza fisica e os musculos do homem, do que qualquer outro fator. É por essa razão que é muito mais fácil para os homens lidarem com as travestis, do que com as mulheres. É muito mais simples, direto e, portanto, gratificante. As travestis são aquilo que os homens sempre desejaram que as mulheres fossem: lindas, femininas e com a mais perfeita sincronia de funcionamento cerebral e de desejos com os homens. O entendimento do funcionamento do cérebro reptiliano é fundamental para se prever e se controlar o comportamento dos homens e das travestis. As mulheres não entendem isso, porque para elas, o sistema limbico predomina. É por isso que as feministas tem certeza absoluta que aquela propaganda delas dizendo para os homens NÃO ESTUPRAREM funcionaria, quando na verdade, ela jamais produziria efeitos, porque ela é direcionada ao córtex e ao sistema limbico dos homens. A única forma de convencer um homem é convencendo o seu cérebro reptiliano. É preciso dizer: se você estuprar, você vai para a cadeia ou vai ser fuzilado. Isso desperta o instinto de auto-proteção do cérebro reptiliano dos homens e os inibe de cometer crimes. É por essa razão que o conselho do Chefe de Policia do Canadá, para as mulheres pararem de se vestirem como vadias, era um bom conselho. Porque a visão do corpo das mulheres ativa o cérebro reptiliano dos homens e, se o homens não tem o sistema limbico e a córtex cerebral desenvolvidos, talvez alguns poucos homens sigam o impulso do cérebro reptiliano. Todos os crimes na sociedade, a grande maioria, talvez mais de 95% deles é originado pelo cérebro reptiliano. Portanto, a melhor forma de se prevenir crimes, é tentar evitar ao máximo que os homens operem no nivel do cérebro reptliano. Mas as mulheres fazem justamente o inverso: elas tentam ativar direto a pior e mais sombria parte do cérebro dos homens, para depois elas reclamarem dos homens. Eu não sei se isso é má fé delas ou apenas burrice, mas eu sei que, quem ignora o cérebro reptiliano e o sistema limbico, não convence os homens. Isso nos leva a outra questão. Muito embora a nossa propaganda de guerra psicológica contra o feminismo, tenha por foco a propaganda racional, para esclarecer a opinião publica, nós precisamos saber de que forma entrar subliminarmente no cérebro de homens e mulheres. E, para se fazer propaganda subliminar para os homens, é preciso tentar ativar os seus cérebros reptilianos, ao passo que para fazer propaganda subliminar direcionada para as mulheres, é preciso ativar o sistema limbico-emocional delas e é o que temos feito aqui de forma sistemática.
 


A atração não é uma escolha

Não experimente dar a bunda

Por que virar uma travesti 2

Punheta grátis para as travestis Masculinistas

Seja uma travesti masculinista

Torne-se uma travesti - Copia

Você quer ser ela

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...