> Amamos Travestis: Travestis para os homens solteiros da China e do mundo
Amamos Travestis

Amamos Travestis

domingo, 28 de junho de 2015

Travestis para os homens solteiros da China e do mundo


Na China, em virtude da politica do filho único do Partido Comunista, está havendo um grande excedente de homens, porque as meninas em geral são abortadas. O resultado disso é que já há na China 30 milhões de homens a mais do que mulheres. São homens que nunca encontrarão uma esposa, porque simplesmente não existem mulheres em número suficiente para eles. Qual é a solução para esse problema? O que é que esses 30 milhões de homens solteiros na China farão com suas vidas? A minha proposta é transformá-los em travestis e depois exportá-los para todos os países da Terra. Já imaginaram? Quanto é que você estaria disposto a pagar por uma noiva travesti chinesa, bem mimosinha e feminina como essas das fotos abaixo? Essa minha solução resolveria o problema da superpopulação masculina chinesa e resolveria o nosso problema brasileiro de falta de travestis para namorarmos, porque, apesar do Brasil ter a maior população mundial de travestis, o número de trans é totalmente insuficiente para suprir sequer 1% da nossa demanda por travestis. O Brasil poderia se tornar uma superpotência se se especializasse na produção em massa de travestis. As travestis são o futuro da humanidade. Elas são o grande mercado do século XXI. Muito em breve, vários países vão começar a perceber o infinito potencial de transformação social que as travestis representam, e vai haver uma corrida armamentista entre os países para ver qual nação vai produzir mais travestis e as travestis mais lindas e femininas. O Brasil já se tornou exportador liquido de travestis, com algumas das nossas meninas emigrando para a Europa, a fim de fazerem programas. No entanto, quando nós analisamos os números totais de travestis, nós vemos claramente que há uma constante falta de travestis no Brasil e no mundo. Mesmo que nós convencessemos TODOS os homens brasileiros a virarem travestis, mesmo assim, haveria uma grande falta de trans, porque mesmo que todos nós virassemos travestis, mesmo assim, nós não conseguiriamos suprir nem 10% da demanda chinesa por travestis. E isso sem contar a India, a Europa e outros países, inclusive o próprio Brasil, já que as travestis não se limitam apenas a substituir as mulheres aonde elas não existam; mas também, as travestis substituem as mulheres até aonde há muitas mulheres, porque as travestis são melhores em todos os quesitos. O país que sair na dianteira, vai ter um grande poder no mundo. Não creio que o Brasil se tornará uma superpotência somente graças às travestis; mas nós poderiamos nos tornar um tipo de Arábia Saudita das trans, produzindo travestis em massa e Know How e escolas e cursos para vendermos para outros países, ensinando como eles mesmos poderiam produzir as suas próprias travestis. Os Chineses tem muito mais matéria prima e potencial para produzir muito mais travestis do que nós; mas nós no Brasil já temos até uma certa tradição nessa área de fabricar travestis e, se nós conseguirmos produzir travestis em massa no Brasil, talvez isso chame a atenção do governo da China, para essa formidável solução e isso poderia mudar o curso da história do mundo.
De um jeito ou de outro, o fato é que as travestis nunca mais vão desvalorizar, porque a demanda por travestis vai aumentar de forma exponencial nos próximos anos, no Brasil e no mundo e cabe a nós não perdermos essa oportunidade e começarmos a transformar o maior número possível de homens em travestis. Até porque, quanto mais travestis existirem, menos poder e influência as mulheres e as feminazis terão, então nós vemos claramente que as travestis só trazem benefícios a todos; exceto às feministas, mas essas só merecem se ferrar mesmo. Então, sejamos todos travestis.








2 comentários:

  1. Isso! Virem traveco, se comam e se prostituam até pegarem aids e morrer. Ninguém precisa de vermes como vcs.

    ResponderExcluir
  2. Travesti. Trans. Shemales. Gays. Não são vermes. São pessoas que não estavam felizes e hoje realizaram seus sonhos de ser o que seu corpo não era no passado.
    Eu também sou trans e adoraria ser uma shemale. Mas não posso. .... mas exijo respeito com minhas amigas do peito. #RESPEITE LGBTS

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Anunciad